Pesquisa pretende diagnosticar competência digital entre professores da rede pública de ensino

Ação faz parte do Programa de Apoio e Desenvolvimento de Políticas Públicas em Educação para o Estado de Sergipe, desenvolvido pela Fapitec e Seduc 

Um grupo de professores sergipanos está realizando uma ação que é resultado do edital 02/2020, realizado pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Educação, Esporte e Cultura (Seduc) e Fundação de Apoio à Pesquisa e à Inovação Tecnológica (Fapitec), que consiste em propor uma pesquisa entre professores da rede pública estadual de ensino e que tem o objetivo de levantar dados sobre o nível de competência digital destes profissionais. 

A ação, que tem apoio da Universidade Tiradentes e Universidade de Aveiro, pretende construir indicadores e contribuir para a evolução dos docentes na utilização das tecnologias digitais no trabalho. O questionário já está sendo aplicado e pode ser facilmente respondido tanto por computador como também por smartphone. O endereço para acesso é http://bit.ly/competenciadigitalseduc

A equipe responsável pelo projeto estipulou como meta atingir, até julho, pelo menos 80% dos docentes que atuam na rede. Para isso, eles solicitaram que a pesquisa fosse enviada para todas as diretorias regionais para que os professores possam respondê-la. Além disso, estão fazendo contato via WhatsApp devido a facilidade de comunicação por este canal.

Um dos professores coordenadores da ação, Daniel Bramo, conta que a equipe está otimista quanto ao alcance do questionário, principalmente devido a parceria com a SEDUC, que vem colaborando efetivamente com o projeto. “Queremos construir estes indicadores sobre as competências digitais dos professores e quando tivermos estes dados, pretendemos construir e testar um modelo de formação que trate das principais dificuldades que os professores têm quanto ao uso das tecnologias digitais na docência”, explica. 

Daniel completa que o projeto vai além de conhecer o nível de competência dos professores, buscando desenvolver um curso onde eles possam adquirir essas competências e as habilidades necessárias para se integrar na Cultura Digital, e, para isso, é necessário, primeiro, saber em que nível estão esses profissionais.

Parceiros

Última atualização: 16 de junho de 2021 11:20.

Pular para o conteúdo